Conheça os Tratamentos odontológicos realizados no instituto odontológico Dr. Newton Roberto Ribeiro

Mais do que tratamentos odontológicos, eles ajudam a melhorar a Qualidade de Vida, bem estar, Auto Estima entre outros fatores essenciais para as necessidades básicas do ser humano.

Os tratamentos clínicos rotineiros da odontologia são realizados de maneira integrada no Instituto onde após um exame clínico inicial, o paciente é direcionado para a execução do tratamento especializado de cada profissional, onde cada um executa o tratamento especifico. Para isso, dispomos de 8 consultórios e seu tratamento é acompanhado por um sistema informatizado que faz com que todos os profissionais se integrem e realizem os trabalhos da melhor maneira possível, sem entretanto esquecer que além da qualidade do serviço, o relacionamento pessoal da Equipe profissional e de nossas funcionárias , são indispensáveis para o seu bem estar .

Clique nas especialidades para mais informações.

Implantodontia

São dispositivos confeccionados em titânio que implantados através de procedimento cirúrgico no osso dos maxilares, fixam-se aos mesmos através de um mecanismo biológico conhecido como “osseointegração” e permite que após um determinado tempo (em média de 2 a 6 meses, dependendo da qualidade óssea) sejam fixados sobre os mesmos uma coroa dentária que substituirá o dente ou dentes perdidos. Somos os pioneiros no Brasil na utilização de implantes, quando de seu uso clínico no final da década de 80 e início dos anos 90, fizemos cursos de capacitação no Brasil, na Itália, Estados Unidos e Alemanha para que pudéssemos oferecer aos nossos pacientes o que de melhor vinha se fazendo no mundo. Somos membros da Academia Americana de Osseointegração que é a maior entidade cientifica representativa da implantodontia no mundo. Diversos tipos de tratamento podem ser realizados, desde a colocação de um único implante para substituir um dente perdido, vários implantes, colocação de implantes para fixação de dentaduras (overdentures). Em alguns casos, faz-se necessário a reconstrução óssea através de cirurgia de enxerto para que haja base óssea suficiente para a fixação dos implantes. Existem também, casos de “Implantes com carga imediata” onde os implantes são fixados cirurgicamente e dentro de um prazo de no máximo 48 horas a prótese é colocada, com um restabelecimento funcional e estético imediato. As indicações para avaliação de cada caso só poderão  ser determinadas após uma criteriosa avaliação do estado geral do paciente, das condições ósseas, avaliadas através de radiografias e exames clínicos.

Bichectomia

Conhecida como bichectomia, a operação é indicada para pessoas que estão incomodadas com o tamanho das bochechas por engordarem ou deixarem o rosto infantil. bichectomia-sjc

Você é uma pessoa que fica incomodada com suas bochechas? Acha elas muito gordinhas? Bom, por incrível que pareça, há uma solução estética para este incômodo. Pouca gente sabe, mas existe a bichectomia, uma cirurgia plástica que tira a gordura das bochechas e as deixa mais finas, criando a sensação visual que a pessoa está mais magra.

Bola de Bichat ou Corpo Adiposo Bucal (Buccal Fat Pad, em inglês) é uma estrutura gordurosa presente na face, na região da bochecha.

– Quando aumentada, essa gordura pode alterar o formato do rosto, deixando-o arredondado.

– A cirurgia para retirar o excesso da Bola de Bichat é chamada de Bichectomia e pode ser feita com anestesia local, com ou sem sedação. A incisão é por dentro da boca, sem cicatrizes aparentes, e o procedimento dura em torno de 40 minutos.

– Trata-se de uma técnica descrita em 1980, já consolidada mundialmente no meio científico, mas pouco difundida aqui no Brasil.

Prótese

São procedimentos que visam o restabelecimento da mastigação através da colocação de elementos dentários que substituirão a perda total ou parcial de um, vários ou todos os dentes. Existem diferentes tipos de próteses dentárias e materiais a serem utilizados para esses fins:

  • Prótese Unitária ou Coroa – utilizadas em fraturas dentárias por trauma ou por cárie. Através da coroa dentária, o dente volta a ter funções mastigatória e estética. Para esse fim, podem ser utilizados materiais metálicos ou cerâmicos (porcelanas), que tornam por vezes essa reconstrução esteticamente imperceptível.
  • Prótese Fixa (Ponte fixa) – utilizada na reabilitação onde há perda de dentes e se utilizam dentes contíguos para servirem de pilares para fixação do dente perdido. Atualmente, as próteses fixas podem em muitos casos serem substituídas por implantes que levam uma série de vantagens sobre a prótese fixa (clique em implantes) . Porém em muitos casos, não se indica o uso de implantes e a prótese fixa é o recurso indicado. Somente um exame clínico e radiográfico poderá definir suas indicações.Prótese Parcial Removível (Ponte móvel) – – utilizada em casos de muitas perdas dentárias onde o espaço protético (espaço entre vários dentes perdidos) é muito grande ou para diminuição do custo do tratamento ou em casos de utiliza-la provisoriamente até a confecção de uma prótese fixa ou prótese sobre implante. Assim como no caso das próteses fixas, o uso de implantes para reabilitação é de qualidade muito superior às próteses removíveis.
  • Prótese Total (Dentadura) – utilizada na reabilitação de perda de todos os dentes. Pode ser utilizada definitivamente ou temporariamente enquanto se aguarda por uma reabilitação dental através de implantes. Devem ser substituídas ou reavaliadas constantemente, pois com a perda dentária, ocorre uma reabsorção progressiva do osso dos maxilares, causando uma instabilidade das próteses provocando traumatismos na mucosa bucal que podem desencadear processos inflamatórios muitas vezes de graves conseqüências. O ideal é que o portador de dentaduras retorne pelo menos uma vez por ano ao consultório para reavaliações clínicas.

Atualmente, as próteses totais podem ser melhor fixadas com a utilização de alguns implantes que as tornam estáveis através da confecção de “overdentures” (clique em implantes)

Toxina Botulínica

Na Odontologia a toxina botulínica é o método terapêutico utilizado pelos cirurgiões dentistas para pacientes acometidos por DTM (disfunção temporomandibular), bruxismo, cefaléia tensional, dor orofacial, sorriso gengival, queilite angular, sorriso assimétrico, hipertrofia de masseter, pós operatórios, sialorréia (produção excessiva de saliva) e rugas.
Com a resolução do CFO, sobre o uso da toxina em áreas estéticas da face (linha do cabelo e osso hioide) as rugas da face estão dentro da nossa área de atuação.

Entre em contato para mais informações

Endodontia

Tratamento de Canal

É o tratamento de canal, a especialidade odontológica que visa restabelecer a função de um dente acometido por um processo inflamatório ou infeccioso através da remoção da polpa dentária, o ”nervo”. Atualmente, as modernas técnicas como a instrumentação de canal com instrumentos rotatórios e medicamentos adequados, tornam o tratamento endodôntico praticamente indolor quando realizados adequadamente e por profissionais bem qualificados. É indispensável que o endodontista seja um especialista, pois há a necessidade de instalações, equipamentos, materiais e instrumentais que se destinam exclusivamente à endodontia, assim como há a necessidade de horários clínicos mais prolongados e retornos dentro de prazos certos.

Vídeo - O que é o tratamento de Canal

Ortodontia

São procedimentos clínicos que visam restabelecer a qualidade estética e a harmonia dentária de maneira integrada. É necessária uma análise da função mastigatória, para que possa a reabilitação estética ser planejada juntamente com o restabelecimento funcional com a utilização de materiais e técnicas clínicas. Assim, se faz necessário por vezes o tratamento integrado como ortodontia, colocação de implantes, tratamentos gengivais, tratamentos cirúrgicos, etc. Em alguns casos, só após a realização desses tratamentos é que se poderá reabilitar a estética dental através de restaurações com materiais de última geração, próteses cerâmicas, facetas laminadas, e outras. Só após um exame clínico minucioso é que se poderá determinar o planejamento adequado para cada caso.

Entenda melhor sobre a Ortodontia

Procedimentos em Hospitais Conveniados

Alguns dos procedimentos acima como, Cirurgia e traumatologia BucomaxiloFacial, Ortognáticas, Day Clinic para pacientes com necessidades especiais,  poderão ser realizados em hospitais conveniados. Isso após algumas visitas e planejamentos realizados no Instituto.

Cirurgia Ortognática

É a correção de deformidades faciais através de procedimentos cirúrgicos realizados nos ossos maxilares (maxilar e mandíbula) no sentido de restabelecer as funções mastigatórias e também melhorando as condições de estética e harmonia facial. Para a realização da cirurgia ortognática, é de extrema importância o planejamento e atuação de uma equipe multidisciplinar formada inicialmente por ortodontista e cirurgião e que poderá envolver ainda outras especialidades odontológicas além de fonoaudiologia e na época da realização da cirurgia a necessidade de cuidados médicos e hospitalares. É de fundamental importância que o paciente com indicação de cirurgia ortognática seja avaliado pelo cirurgião antes de iniciar o tratamento ortodôntico, para que possa ser passado todas as informações e passos a serem tomados durante o tratamento, assim como a viabilidade do uso de convênios médicos para cobertura de despesas e para que possamos, juntamente com o ortodontista planejar o melhor planejamento a ser desenvolvido antes e depois da cirurgia.

Saiba mais Sobre a Cirurgia Ortognática

Traumatologia Bucomaxilofacial

Nossa Equipe possui  quatro especialistas na área de traumatologia de face , atuando em serviço de retaguarda de Hospitais da cidade no atendimento de fraturas faciais causadas por motivos mais diversos (acidentes  de trânsito, esportivos, quedas, etc).

Utilizamos as mais modernas tecnologias para a resolução desses acidentes do dia a dia. A grande maioria dos convênios médicos promove o pagamento desse tratamentos.

Profilaxia Periodontal

Consiste na remoção de tártaros que se acumulam entre os dentes causando inflamações gengivais, sangramento, mau hálito e retrações gengivais. Alem disso, orientamos nossos pacientes com relação à técnicas de  escovação e utilização adequada do fio dental, para a prevenção de doenças gengivais e cáries.

Vídeo Exemplificando

Odontologia Estética

Estética (do grego αισθητική ou aisthésispercepçãosensação) é um ramo da filosofia que tem por objeto o estudo da natureza do belo e dos fundamentos da arte . Ela estuda o julgamento e a percepção do que é considerado belo, a produção das emoções pelos fenômenos estéticos, bem como: as diferentes formas de arte e da técnica artística; a ideia de obra de arte e de criação; a relação entre matérias e formas nas artes. Quando se fala em estética, se fala em bem estar e qualidade de vida. Desta forma, a Odontologia, assim como outras áreas da Saúde, se alinha com a filosofia de devolver ao paciente uma reabilitação adequada não só no aspecto funcional, mas com grande harmonia estética, dentro dos padrões de beleza aceitos como adequados e naturais. Hoje, com tecnologia de ponta, materiais reabilitadores modernos e duráveis, temos condições de devolver ao paciente um sorriso natural e em harmonia com lábios e face. Para tal, técnicas e materiais de última geração, são utilizados no arsenal de alternativas para a busca do que é belo e natural.  Dentre os materiais utilizados, podemos utilizar desde resinas fotopolimerizáveis, a cerâmicas de última geração, como porcelanas injetáveis, ou próteses com infraestrutura de zircônia, que nos permitem não utilizar mais metal em alguns tipo de próteses, conferindo assim maior estética e biocompatibilidade. Para auxiliar no diagnóstico e planejamento de casos estéticos, contamos ainda com a possibilidade de planejamento digital do sorriso (DSD – Digital Smile Design), que além de auxiliar no desenho do sorriso a ser reconstruído, permite a visualização do resultado do tratamento antes mesmo dele ser executado, por meio de simulações (mockups).  

Vídeos

Faceta Laminada e Lentes de Contato Dental

As FACETAS LAMINADAS ou LAMINADOS CERÂMICOS são restaurações que envolvem apenas a parte vestibular (externa) dos dentes. A principal indicação das facetas laminadas é a obtenção da harmonia estética e funcional do sorriso no caso de alterações de cor, forma ou função. Elas podem ser utilizadas tanto nas condições onde já existam destruições dentais ou restaurações que necessitem de uma correção, quanto em dentes hígidos, sem nenhuma restauração, para que o sorriso possa apresentar-se uniforme. Pode ser utilizada uma ou várias facetas, conforme a indicação do caso.

As facetas laminadas podem ser indicadas em casos em que exista o escurecimento dental devido a tratamentos endodônticos (canal), em casos em que o clareamento dental não se mostrou eficiente e em manchamentos extensos.

Para casos mais simples, o procedimento normalmente pode durar duas sessões. Na primeira sessão, sob efeito de anestesia local, é feito o desgaste do dente, caso necessário, e o procedimento de moldagem do elemento dental. Na segunda sessão é feita a prova dos laminados, e após a aprovação dos aspectos estéticos e funcionais, as lâminas são cimentadas nos elementos dentais.

Para realização do procedimento em casos mais complexos, estudos feitos com análise digital do sorriso (Digital Smile Design -DSD), enceramentos diagnósticos e técnica de mock-up podem dar ao paciente a experiência de visualizar como ficará o resultado final de seu tratamento antes de executá-lo. A técnica de mock-up consiste em copiar o modelo com o enceramento e aplicar uma resina, especialmente indicada para este passo, nos dentes no paciente, fazendo assim uma simulação do tratamento previamente à execução.

Entenda a diferença entre as Facetas e Lentes de Contato

Clareamento Dental

As técnicas de clareamento dental foram desenvolvidas para os pacientes que sentem vontade de melhorar a estética de seu sorriso através do branqueamento dos dentes. São técnicas seguras, realizadas e orientadas sempre por um profissional competente, e que não causa fragilização ou desgaste da superfície dental.

Para a realização do tratamento é necessária uma avaliação prévia do paciente, diagnosticando as causas do escurecimento dos dentes, assim como avaliação de restaurações antigas ou próteses, de forma a determinar o melhor método a ser utilizado.

Existem diferentes métodos para o clareamento dental, sendo uma chamada de clareamento caseiro, e a segunda de clareamento a laser ou de consultório. O clareamento caseiro é realizado por meio de uma moldeira individualizada à boca do paciente, confeccionada pelo dentista. Nesta moldeira o paciente aplica o gel clareador e dorme com esta moldeira encaixada nos dentes, período em que este gel, de ação lenta, vai interagir com os dentes e clareá-los. O período médio deste tipo de tratamento é de dez dias.

A segunda técnica, como citado acima, é realizada em consultório, em uma ou duas sessões, normalmente. É aplicado um gel na superfície dentária, que pode ser ativado quimicamente ou através de laser/led, e irá promover o clareamento dentário. A associação das duas técnicas anteriores é uma solução bastante efetiva e de bons resultados , sendo desta forma a escolha do método fruto de análise clínica pelo profissional .

Para manchas superficiais nos dentes, por exemplo, oriundas de fluorose leve, pode ser realizado um procedimento chamado microabrasão, que consegue remover de forma bem conservadora estas manchas, através  de uma abrasão controlada da superfície dental.

Clareamento Dental - Técnicas Utilizadas

Restaurações Dentárias

Atualmente, as restaurações dentárias são realizadas com materiais estéticos, as resinas fotopolimerizaveis, que possuem excelente qualidade e praticamente são imperceptíveis por possuírem colorações que se assemelham aos dentes naturais.

Selantes Dentários – Utilizados em crianças – são resinas aplicadas nos dentes recém irrompidos. Para sua utilização não é necessário à utilização de brocas para desgastes. Após a limpeza e o preparo químico, a resina é aplicada sobre os dentes de modo não invasivo. Com a aplicação de selantes, previne-se a formação precoce de cáries dentárias. Aplicação Tópica de Flúor – Pode ser realizada principalmente em crianças e adolescente para o fortalecimento do esmalte dentário prevenindo deste modo à formação de cáries.

Sedação no Consultório ou sob anestesia geral em ambiente hospitalar.

Oferecemos um tratamento diferenciado aos pacientes que tem medo ou fobia ao tratamento odontológico, com sedação no consultório ou sob anestesia geral em ambiente hospitalar.

Alguns tipos de procedimentos que tem indicações a Sedação:

-Grandes enxertos ósseos para viabilizar a fixação de implantes dentários.

-Colocação de vários Implantes

-Remoção de dentes inclusos

-Clientes portadores de necessidades especiais com extensa limitação física, mental, emocional ou médica que impeça o tratamento em ambiente de consultório.

-Tratamento das fraturas dos ossos da face.

-Cirurgia ortognática.

-Tratamento de grandes lesões patológicas.

-Reconstruções após remoção de tumores.

-Procedimentos cirúrgicos em crianças .

Sedação: Antes do procedimento, um médico anestesiologista aplica um medicamento sedativo via endovenosa (na veia) e o tratamento odontológico então é feito pelo dentista. O médico anestesiologista permanece na sala durante todo o procedimento monitorando o paciente, e também acompanha a sua recuperação

Quem pode fazer sedação? Qualquer paciente com boa saúde geral

pode ser submetido a sedação. Antes do procedimento o médico anestesiologista

deve verificar se você pode ser submetido ao procedimento, ou se há restrições.

Cirurgias Orais

Quando é indicada a extração do siso?Preciso tirar mesmo o siso?
A sua extração está indicada na ausência de espaço para a erupção, no posicionamento horizontal do siso, nos quadros de dor e quando se inicia a erupção e esta não se completa, ou seja, há erupção parcial do siso. Quando se faz a extração de um siso, provavelmente terá que ser feita a extração de ambos os sisos do mesmo lado, isto é, do superior e do inferior.
O que acontece se o dente do siso ficar dentro do osso (não erupcionar)?
Pode produzir reabsorções de dentes vizinhos, transtornos dolorosos ao paciente e possíveis degenerações (lesões císticas).

Recomendação para a Extração do Dente do Siso